quarta-feira, 6 de abril de 2011

Numa eterna evolução

Olhar para trás em nossas vidas... em nossa história... podemos perceber.. evidenciar... o quanto progredimos... o quanto ainda podemos progredir...

Ainda num passado longínquo... na cultura Celta... dentre as diversas crenças.. os diversos símbolos... havia um em especial... o Triskle...
Este símbolo fora criado para representar o eterno movimento e equilíbrio da vida... em todas as suas facetas: donzela, mãe e anciã (as três faces da Deusa).. intuição, ternura e beleza (as qualidades do feminino).. crescente, cheia e minguante (as fases da lua).. primavera, verão e inverno (as três primitivas estações do ano).. céu, mar e terra.. nascimento, vida e morte.. corpo, mente e espírito.. passado, presente e futuro.. poder, intelecto e amor..

E talvez podemos nos perceber percebendo que.. independente do tempo.. de crenças.. de épocas.. estivemos em constante evolução.. em constante movimento.. em assim continuamos hoje.. como há milênios atrás.. no mais perfeitamente imperfeito equilíbrio da evolução...

(para amigos muito especiais)

[rumo ao milésimo acesso http://engdoser.blogspot.com/]